conectando rio natal

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Principal

A dama de Ferro em pleno carnaval. Um retrato fiel demais.

E-mail Imprimir PDF

 

Como não quero fazer desse blog um canal de denúncia, mas foi comigo VI, OUVI e FALEI. Não tem como não registrar aqui e ver se daqui a alguns anos mudou muita coisa, tomara que sim! O Rio não merece....Se fosse na minha cidade e eu presenciasse seria a mesma coisa. Como minha cidade atual é aqui, sigo à risca. Cuide da sua cidade seja ela qual for. É preciso se preparar para receber o turista qualquer época e não explorá-los em evento, nenhum.

Ah e o Bola preta quebra recorde: 2,2 milhões. No livro dos recordes temos dois? Como diferenciar? E, como que soma essa multidão? A mania de grandeza do Brasil, tudo é maior, tomara que cheguemos logo a igualar ao primeiro mundo sem ser maior em negatividade. Quanto ao bloco vou entender assim:  o Galo é do nordeste e no sudeste é o Bola Preta, no Rio. Porque vou dizer tanto recorde confunde a cabeça de qualquer um!. Vamos lá ao que presenciei.

Saí para a praia encontrar uns turistas amigos (não só potiguar, mas Mineiros e também carioca/turista) para aquele mergulho gostoso. O dia lindo, mas meu Deus como me rendeu coisas que não dar para ficar sem questionar, tipo:

1) Barraqueiro cobrando preços diferenciados de cadeira e guarda-sol para turistas gringos. Presenciei e questionei. Rendeu explicações que não me convenceram. Se quiser saber clica em leia mais. Escrevi o diálogo porque foi demais. Veja abaixo em comentários o depoimento de Sezana me parece está pior, já que nem espaço para colocar a cadeira que traz de casa.

2) Cinema fechado por causa do carnaval? Segundo explicação dada por dois funcionários da  Estação SESC Laura Alvim só abrirá depois do carnaval já que ontem os foliões invadiram para ir ao banheiro. E quem não está no ritmo do carnaval? Porque não gosta, não pode ou não quer ir para carnaval durante o dia, só à noite? A programação cultural da cidade, muda? Já pensou se isso pega para tudo. O Rio vai perder muitos turistas, vão dizer que no carnaval só tem carnaval (mentira). Falam que Baiano não trabalha (mentira, eu conheço) faz festa  o ano inteiro e só tem axé. Então, fica igual aqui só tem samba e que carioca vive na praia (mentira).  Até a  amiga potiguar que estava indo ao cinema comigo (sessão de 13:50), porque só queria ir e bloco ao final da tarde  (simpatia é quase amor) deixando a Lapa para à noite. No caminho recebe ligação de Natal e fala com os amigos: "O Rio é bom porque tem várias opções, a vida cultural e carnaval". Batemos com a porta na cara e, fica aquela máxima no Brasil, tudo termina em samba (ou pizza?). E olhem que adoro carnaval. Os que não gostam ficam mais Puto da vida, com razão.

Enfim, para não perder a viagem fomos a outra estação e claro, com outro filme. Pois o que queria já  deve estar saindo de cartaz e só tinha lá. Para quem saiu querendo ver uma comédia romântica muito bem recomendada (românticos anônimos) e depois trabalhar (bem disposta) muda para a Dama de Ferro é fogo! Mas, o filme é ótimo  e  com uma merecida indicação ao Oscar de melhor atriz pelo talento de Meryl Streep. Só que o estilo do que queria ter assistido  é completamente diferente.

Para compensar na volta de ônibus para Copacabana entrei no espirito de carnaval  porque o ônibus estava lotado mas, animado. Mas quando se fala em ônibus lotado só se lembra nas horas de pico dos dias normais, ninguém merece.  A turma jovem e animada cantando os sambas da Mangueira que parecia o pessoal da comunidade, uma alegria contagiante. Começou porque eles estavam cantando uma que achei a letra bem interessante. Curiosa, perguntei se era samba de um bloco e era o enredo da mangueira desse ano. Acho que são mangueirenses de coração e frequentadores do ensaio mesmo, porque mandaram bem samba, pareciam puxadores (amadores). Ah e eu como sentei ao lado de um deles pedi para puxar explode coração (peguei um Ita no Norte da Salgueiro) e eles cantaram. Era o público que seguiu direitinho a dica da propaganda espalhada pela cidade: Vá de motorista. Vá de ônibus. Melhor seria, vá de metrô, mas ainda não tem o suficiente. 2016 vem aí, afinal não é esse um dos maiores legados? Tomara...Quanto ao samba da mangueira fiquei curiosa e fui ouvir a letra. Quer conhecer? Clique aqui.

Ao final do dia em minha ida para o trabalho. Presenciamos uma cena muita ridícula (pessoal vindo da praia entrando pelas janelas do ônibus) na princesa Isabel. Por isso que uns generalizam e por uma minoria, a maioria fica rotulada como mal educados, gentinha entre tantos adjetivos pejorativos..... Segundo palavras do motorista de táxi não é por falta dinheiro para pagar. É baderna mesmo, porque um celular na cintura, todos têm. Se fosse professora em sala de aula eu levava o recado como irmã/cidadã minha gente se valorizem, valorizem o nosso País.

Para mudar de assunto, puxei assunto sobre o carnaval de rua que está cada vez mais voltando as origens e crescendo. Ele diz:
-  Está uma bagunça pois é uma festa que não constrói nada, só destrói  com as  pessoas  se destruindo com a bebida presencio coisas horríveis com homens e mulheres caídos,  um horror!.
E, eu que achei que a conversa já iria para o lado daquele religioso radical (não perguntei qual sua religião) para não polemizar, já que desde o início achei uma pessoa simpática  e com uma boa conversa. Encerrei  com uma deixa para reflexão:
- Mas, não é o carnaval que está destruindo as pessoas. Não serão elas mesmas? Pois se elas bebem assim, não bebem só no carnaval. Elas se destroem em qualquer festa, só que as outras nós não vemos e, ainda tem a droga (bebida, consumida dessa forma também é uma droga). E os acidentes em volta de festas, com as pessoas embriagadas e/ou drogadas? Ele ficou calado e falou, é de fato....
Tem muito mais se tiver curiosidade e principalmente o diálogo entre o baraqueiro para diferenciar o preço das cadeiras, foi demais, clique em leia mais.

Informações atualizadas 20/02/12

Muito boa a crônica do Manoel Carlos sobre as lembranças do carnaval. Clique em  Crônica da semana: Lembranças. Em agradecimento pela mensagens de solidariedade que vem recebendo dos leitores encerra com uma mensagem de Drummond, que diz tudo.

“Do lado esquerdo carrego meus mortos.

Por isso caminho um pouco de banda”.

Acho que a campeã sai do grupo de hoje. Mangueira, Salgueiro, São Clemente, Grande Rio, Unidos da Tijuca e União da Ilha. Pena que vou perder alguma, pois curtir nem que seja um dia de carnaval e vai ser hoje.

Informações atualizadas 21/02/12

O mar hoje estava quase uma piscina e os turistas acostumados com água morna nem entram, mas eu já me acostumei e mergulher muito, precisava para lavar a alma. Um mar sem mergulho, não dá....Ah assistir o desfile até ver o Clodoaldo na Grande Rio e a escola estava um luxo só. Mas, as minhas para ganhar o campeonato está entre Salgueiro, Mangueira e Vila Izabel, todas demais..

Se não estivesse trabalhando amanhã iria a Sapucaí para a apuração. A primeira e única vez em que fui,  foi  em 2010 (emocionate e contagiante com toda a comunidade torcendo. Você sente a alegria e a energia..) e logo no ano em que  Salgueiro foi Campeã, levando para a avenida o  samba enredo Histórias sem fim.

Acaba o carnaval e vamos voltar a vida normal com o campeonato estadual e amanhã temos um grande clássico  Flamengo x Vasco, que vença o que jogar melhor. Mas claro que estou torcendo pelo meu flamengo. Ontem fui à rua com a uma de minhas blusas a 3ª batizada por um amigo potiguar (FLAMOR) que vai me dar sorte em uma marca solidária. Já sorte do futebol é preciso contar com o bom jogo, então é jogar MUITO, afinal ganham para isso....Também tem o fator sorte, mas é preciso mostrar jogo, qualquer um deles...

Informações atualizadas em 22/02/12

Torcia pelo Salgueiro. Mas, A Unidos da Tijuca também mereceu com a homenagem ao Rei do Baião, Luiz Gonzaga. (100 anos).  A comissão de frente com o Rei mandou tocar o fole estava muito bonita. Mas a Salgueiro com   forró com bonecos foi muito legal. Enfim, esse ano era para ter tido mais de uma campeã, pois estava difícil.

Já dei uma entrada sobre os Reis (Nordeste = Baião) fazendo uma relação com o outro Rei (Sudeste = Bossa Nova) em Barraca da Chiquita (Feira de São Cristovão).

Informações atualizadas em 23/02/12

Fui dormir ontem com o Flamengo ganhando de 1 x 0 e hoje pela manhã vi o inacreditável futebol clube. Está mais para o time do Excesso de Confiança Futebol Clube (precipitação), foi demais.

Informções atualizadas em 24/02/12

Acabei  de chegar do Saara e até já postei que é no Saara - O comércio popular no RJ o lugar em que os que sabem fazer negócio  sabem comprar. No post coloquei várias fontes de lugares com mapa e tudo clique e conheça. Fui comprar os tecidos para minhas encomendas que vou fazer em Natal. Compro aqui correndo atrás de costureira de lá e trazendo pronto. Afinal não é Rio/Natal? Tudo a ver. O comércio relativo em Natal é o Alecrim - O comércio popular em Natal.

Fontes:

http://yuriliterartes.blogspot.com/ (Os bonequinhos coloridos é desse site)

http://noveloscoloridos.blogspot.com/2010/01/verouvir-e-calar.html (Os macaquinhos é desse blog que amei. Gostei do estilo da blogueira, Maria).

http://blogs.d24am.com/cineset/2012/02/18/critica-a-dama-de-ferro-com-meryl-streep/ (As fotos do filme e crítica)

Seguindo os itens iniciados acima:

1) O diálogo com o vendedor da barraca:
Lá vem um casal de americanos e o vendedor fica  gritando (normal, vendendo o seu produto) oferecendo cadeiras e guarda-sol. Eu, sentada em minha cadeira que levo de casa já que o  guarda-sol alugo, já sabendo quanto custa (5,00).  Ele oferece ao gringo cadeira a 5,00 (deveria ser 4,00) e guarda-sol a 7,00.

Chamo o responsável pela barraca, pois conheço o dono e ele não estava. Falo do que ouvi, dizendo só vou pagar 5,00. Ele me responde que o vendedor é novo e é doido é 5,00 mesmo. E, aí?.

Me liga uma conterrânea (turistas espalhados) de outro ponto da praia e pergunta onde estou. Pede uma cadeira ao vendedor e ele trás, aproveitei e falei (numa boa) para ele o que ouvi. A resposta, dele:

- Não, para gringo é diferente porque eles tem que deixar o dinheiro deles aqui. E, eu:

- Quem firmou isso. A prefeitura sabe disso? Isso não é legal, não existe. Vou falar com o dono  e saber mais saber mais detalhes. Ele me responde que é orientação dele. Isso não está correto.....

Se for assim, então vamos valer para hoteis. Assim, nós Brasileiros e residentes teríamos hospedagens mais barata e para os gringos os preços da hospedagem diferenciada. É justo? Se for assim, pela lógica do barraqueiro...Sei, que hotéis o preço do Rio é considerado um dos mais caros do Brasil.

Enfim, minha amiga estava em uma barraca em frente ao Copacabana Palace e lá pagou por uma cadeira 5,00 e um guarda-sol 10,00, viram a inflação? Mas, ela disse que foi para ela, então lá estipulou para todos, gringos ou não. Ela não soube dizer se existe a diferença, não presenciou nada assim como eu.

Como conheço o dono e gosto muito dele. Pois, até na época entrei na cotização para a compra de um motor para o chuveiro. Preciso saber da versão dele, me decepcionei.
O mesmo está acontecendo em Ponta Negra (Natal) é que os barraqueiros cobram uma cadeira nas alturas e sentando tem que consumir, espanta os moradores.  É preço para turista e, quando o turista vai embora!?

2) O cinema.

A resposta da moça e do segurança que estavam no Laura Alvim quando falei  desse jeito a prefeitura vai ter que colocar polícia aqui na porta, nos próximos carnavais. Ela me responde ah, acho que não vamos mais abrir nos carnavais. Pode decidir assim, quem toma conta de uma estação? A prefeitura não interfere em nada. E por que não, colocar segurança a frente da porta, já que aquele local é no foco do evento. A solução é fechar?

Saí de lá pensando assistir algo na estação Ipanema porque é uma galeria, sendo que ainda tem umas escadas para se chegar então não teria problema de estar fechado.  Mas, estava com a porta da galeria entreaberta e fui até o cinema. Aberto mas, com segurança (acho que da própria galeria) na escada porque ontem os foliões também quiseram usar o banheiro.

ps: Meu Deus não posso fazer daqui um meio de denúncia. Quero transformar em alegria e informações úteis, sem ser pesada. Mas, determinadas situações quando você presencia é irritante e não é questão de ser ou não ativista é questão de cidadania, qualquer um da gente pode passar por isso. Quem passar por determinada situação, fale. Muitos dizem não resolve. Cada um fazendo sua parte, um dia resolve. E, digo quase todo dia para mim mesma. O que se deve fazer? Questionar ou não? Alienar-se? Eis a questão, o que fazer.....

Vi em uma dessas lojinhas de estação de cinema três macaquinhos onde representavam ver, ouvir e calar. Já ouvi muito isso. Queria ser assim, mas não consigo. É omissão demais, quando é com você, então!. Como não cliquei a foto, pois não sabia, busquei na net e adorei o blog da Maria envolvendo arte, tem um estilo bem legal, amei. Nesse link ela cita até o Arnaldo Jabor em que o assunto são os símbolos para mensagem no MSN.
Gostei também dos bonequinhos  do blog da Yuri. Não ouvir, não ver e não falar, muito fofas.
A coisa sendo ruim, não menciono nomes e/ou lugares pois não vou ganhar nada querendo derrubar o negócio do outro e também até mesmo para preservar a pessoa. Ele mesmo um dia aprende ou continua errando e caí. É a lei da compensação, tem que colher o que plantar...

Quando é uma coisa boa sim, fica uma boa propaganda do que presenciei. Existindo até quem discorde já que cada um tem uma experiência. Normal. Até já aconteceu isso aqui nos comentários do post Barraca da Chiquita (Feira de São Cristovão) onde recebi um comentário hiper contra, respondi dentro do que podia. Isso até cito em objetivo, falo isso mesmo. Deus me livre de isso aqui ser um blog de serviço, como queria na primeira versão, tô fora. Eu, juro que me esforço para ser diplomática.

Eu sei que não quero é ter aquela visão xiita ser contra tudo e sem ver o lado bom de nada, mas tem hora que é impossível ficar quieto e não opinar e/ou questionar. Me lembro todo dia disso, porque afinal nem tudo é lindo o tempo todo e sem defeitos...O mundo não é colorido, mas se não colocarmos cor (o colorido do Pernambucano Romero Brito na renascer de Jacarepaguá), fica pior. O que seria da vida, sem música e dança. Arte de um modo geral.

Intercalando com o controle os desfiles (acesso do RJ e as principais em Sampa) fiquei impressionada com a gaviões como enredo: “VERÁS QUE UM FILHO FIEL NÃO FOGE À LUTA – LULA, O RETRATO DE UMA NAÇÃO”.

A gaviões é conhecida como a escola do Corinthias. Por que o RJ não tem de nenhuma escola ligada a time? Já pensou já que agora (ou melhor finalmente) o negócio é alma feminina e as mulheres estão no poder, porque não a primeira formada por uma presidenta com toda a diretoria e a  bateria com a comisão de frente, só formada por mulheres? Mas os componentes misturados claro, não teria graça, afinal não é colégio de freiras e/ou padre.

E um time carioca, qual seria? Por que não um (ótimo) time como o do  Santos em Sampa?.  Se   fosse o Eike Batista investiria. Aliás assunto de capa na vejario "O anjo do Rio".

Encontrei um blog perfeito citando as mulheres no poder. Estava na hora e é o momento mais que merecido. Estava na hora de entrar na moda não só como modelos nús e nem para desfilar moda  nas passarelas e sim também com outras capacitações. Tantos anos sem o devido merecimento (salários ainda diferenciados) está chegando a hora de chegarmos juntos para somar.  Já ouvir que agora tudo é mulher que a presidenta estava nomeando muita mulher (quantas? nem metade). Quando era o homem presidente, será que algum homem disse: "O presidente está nomeando muito homem?"

Estou naquela fase de ser apolítica é mais light, cada vez mais. Porque depois do seriado brado retumbante se existe aquela armação toda é muito nojento esse mundo político. Quem quer fazer algo, não consegue fácil. Quero deixar a ficção e acreditar mais na realidade, mas na real sabemos que se manda até matar.

As alas da escola estavam muito bonitas. Tinha a ala artes na liberdade.  Liberdade só em artes? E agora lembrei que ouvi/li sei lá onde. Que no Brasil não existe liberdade de imprensa e sim de empresa. Deus me livre de ser jornalista, não poderia seguir a pauta ainda bem que meu propósito é outro.  Escrever é hooby quando quero e tem a ver com o momento de disposição e sempre procurando ligar  algo relacionada ao momento ou útil para o meu arquivo (lembrar filmes).

Voltando a escola muito bom a ala dos trabalhadores havendo a  transformação onde todos se transformam em presidentes. Na hora que apareceu a Adriana Bernardes com uma “fantasia” coração do Brasil. Verde e amarelo com uma estrela no meio. A fantasia era o corpo pintado, gostei da ideia e os marmanjos devem ter gostado da "roupa"(?). Tinha uma ala que os componentes rasparam a cabeça,  uma ótima homenagem para os que estão ou passaram por isso, não só ao Lula. Já que foi uma ala e não só uma pessoa. A bateria começando como operária e termina presidencial, muito legal.

Para os que não gostaram do governo e continuam não gostando da figura do operário que se tornou presidente (por não ter estudado) será que não é hora de relevar e não misturar as coisas. Afinal acho que ninguém pede um câncer para aumentar  o poder de imagem pública (será que tem alguém que se prevalece disso?). Chega a ser desumano, pensar assim. Saúde (falta) não tem dinheiro nem cargo público que amenize, visto isso no filme da dama de ferro, agora com o mal de alzhemeir. E, penso “Meu Deus, “vale a pena o poder?” Os “amigos” são amigos até enquanto se estar no cargo. A realidade é, enquanto políticos muitos se isolam dos  amigos/família e ficam cercados só de puxa-sacos e quando acaba o poder?. O filme me lembra isso.

ps final por hoje.

O filho de uma amiga (meu filho também por tabela) está lá em casa e está adorando., os amigos espalhados e os pais ficam ligando. Ele, tranquilo sem medo do Rio de Janeiro. Hoje foi ao aterro ver o bloco bangalafumenga. Amei pois é a turma jovem também curtindo e querendo ouvir  MPB.

Hoje acabou o carnaval no meu blog parecido com o samba do crioulo doido. Adoro livre, leve e solto sem controle, só da minha cabeça. Diversos assuntos em um só post parecendo um jornal de notícias variadas.

Vou ver se faço e curto o meu carnaval nem que seja um dia. Parou a observação de blogueira, agora vou é atrás do bloco dos beatles. Queria ter podido ir conhecer o Banga.

Informações atualizadas em 23/02/12

Fui fazer uma pesquisa em relação time com Futebol depois que lembrei que Alcione é Mangueirense e Flamengo doente, então vi que Flamengo tem uma maioria de torcida da Mangueira aqui no Rio e Brasil, afora.

Sou Flamengo, Cacique e Mangueira  (http://letras.terra.com.br/fundo-de-quintal/393972/)

E a  Unidos da Tijuca tem uma relação com o Vasco.

Hino do Centenário do Vasco (Unidos da Tijuca http://letras.terra.com.br/vasco-da-gama/1256754/)

Infomrações atualizadas em 25/02/12

Estou em Natal e a vinda do Rio foi no voo da Gol com um horário Britânico perfeito. Vim lendo (emprestado de uma amiga carioca) o livro que Wagner Moura escreveu de Chico Buarque com as histórias de canções, bom demais!. Com certeza dará um post, um dia. Tenho uma passagem especial citada por Drummond sobre uma letra de uma música.

Minha mãe está ótima, melhor do que eu pensava e agora é muita fono e muita fisio o que já está sendo feito. Fé em Deus e continuidade no tratamento. Saúde é o que interessa o resto, não tem pressa.

 

 

Comentários  

 
+1 #4 2012-02-24 16:32
Adoro ir ao cinema durante o carnaval! :)
beijos
Citação
 
 
+1 #3 2012-02-22 17:26
Sonia, infelizmente, aqui em Natal não é diferente....ontem em Ponta Negra nos cobraram R$ 10,00 por uma cadeira e sombrinha, detalhe; se eu levar a minha cadeira de casa, não tem onde colocar, pois logo cedo eles espalham as das barracas e essas são pagas. Agora o melhor de ontem foi a conta super faturada, nos cobraram R$ 80, 00 quando o correto era R$ 61,00, pagamos e depois que minha amiga se deu conta foi difícil o enjoadinho dono da barraca devolver o valor. A desculpa dele foi; esse sol derrete o nosso juízo, fico até doido... eu não aguentei e disse: que nada, se fosse isso você me deixava sair sem pagar! pq pelo que sei doido rasga dinheiro ....
Citação
 
 
0 #2 2012-02-19 23:20
Obrigada Walter, que bom que gostou. É isso teremos um país melhor e espero que logo, já estivemos mais longe....
Citação
 
 
+1 #1 2012-02-19 23:12
Gostei da sua posição com relação a mostrar essas barbaridades que nossos administradores fazem com nossas cidades, nossa cultura, nossa arte, nosso povo e nosso dinheiro.!!! Concordo com você plenamente!!
Citação
 

Comentar

@co.mailboxxx.net


Código de segurança
Actualizar

Sou Curiosa

O que você passa a conhecer é o seu conhecimento na sua visão, então porque não passar a informação para o outro e a partir daí cada um terá sua própria visão, respeitando o conceito (pré-determinado ou não) de cada um.

 
Pensando em viajar

"Tenho o mais simples dos gostos, me contento com o melhor" Oscar Wilde.

Acredito que o melhor nem sempre quer dizer custo alto, então, procuro dentro de minhas possilibidades fazer as minhas escolhas.... Sônia.

Links com fins sociais:

Casa do Bem
Fazer o bem sem olhar a quem...
ADOTE-RN
Associação de orientação aos deficientes

Meio Ambiente

Me siga também... TWITTER
Twitter @rionatal.

Estatísticas

Visualizações de Conteúdo : 1882420