conectando rio natal

  • Aumentar tamanho da fonte
  • Tamanho da fonte padrão
  • Diminuir tamanho da fonte
Principal

Sonhos de um Sedutor

E-mail Imprimir PDF

Com meu sobrinho, de Natal, vindo de Buenos Aires e  dando uma passadinha pelo Rio fomos ver uma montagem da peça Sonhos de um sedutor com o ator Gegorge Sauma em uma ótima interpretação na pele de Allen.


Leia mais sobre a peça no site do Rio Show.


A montagem brasileira da peça de Woody Allen, escrita em 1969, traz George Sauma na pele de Allan Feliz, crítico de cinema que leva um pé na bunda da namorada (Georgiana Góes). Para animá-lo, o casal Dick (Heitor Martinez) e Linda (Luana Piovanni) faz de tudo para lhe arranjar uma nova garota. Enquanto isso, ele também recebe "conselhos" de Humphrey Bogart, seu ídolo. 

Peça de Woody Allen, que virou filme em 1972, traz Luana Piovanni e George Sauma como protagonistas

“Play it again, Sam”, traduzida por aqui como “Sonhos de um sedutor”, é uma peça de Woody Allen escrita em 1969, cujo título original faz referência à famosa frase dita por Ingrid Bergman no clássico “Casablanca”. Coprotagonista do filme de 1942, Rick (Humphrey Bogart), o sedutor dono do bar de mesmo nome, ressurge na montagem brasileira que estreia hoje, no Teatro Ipanema, na pele de Heitor Martinez. “Imaginário”, ele funciona como uma espécie de bússola para o crítico Allan Felix (George Sauma), que acaba de levar um pé na bunda.

— O Woody Allen faz o Allan com muita propriedade no filme (de 1972). Inseguro, neurótico, sincero, ele é tipo um alterego. E acho que todo mundo se identifica um pouco com esse cara — conta Sauma, que mergulhou numa intensa pesquisa para ficar o mais parecido possível com o cineasta novaiorquino. — Assisti a muitos filmes dele, o que foi ótimo. Eu já era superfã, fui observando os trejeitos... Tem um lado galhofeiro e vaidoso. Vi um pouco de mim nele.

Fonte:

http://rioshow.oglobo.globo.com/teatro-e-danca/pecas/sonhos-de-um-sedutor-9219.aspx

Ainda vimos a comédia Clô com o Marcelo Serrado

Sinopse
Após herdar a fortuna de Tereza Cristina, Crodoalvo Valério, mais conhecido como "Crô" (Marcelo Serrado), está cansado da vida de milionário. Decidido a encontrar uma nova musa a quem possa dedicar sua vida, ele inicia uma busca pessoal que faz com que entreviste diversas peruas. Seu objetivo é encontrar aquela que seja melhor qualificada para que ele próprio possa servir como mordomo, assim como fez com sua antiga patroa. Entretanto, após muito avaliar, acaba percebendo que sua musa ideal é justamente aquela que jamais havia imaginado.

Fontes:

http://www.adorocinema.com/filmes/filme-217222/

 

Comentar

@co.mailboxxx.net


Código de segurança
Actualizar

Sou Curiosa

O que você passa a conhecer é o seu conhecimento na sua visão, então porque não passar a informação para o outro e a partir daí cada um terá sua própria visão, respeitando o conceito (pré-determinado ou não) de cada um.

 
Pensando em viajar

"Tenho o mais simples dos gostos, me contento com o melhor" Oscar Wilde.

Acredito que o melhor nem sempre quer dizer custo alto, então, procuro dentro de minhas possilibidades fazer as minhas escolhas.... Sônia.

Links com fins sociais:

Casa do Bem
Fazer o bem sem olhar a quem...
ADOTE-RN
Associação de orientação aos deficientes

Meio Ambiente

Me siga também... TWITTER
Twitter @rionatal.

Estatísticas

Visualizações de Conteúdo : 1456144